Tecnologia do Blogger.

Nosso Twitter!

Comentários Recentes

Parceiros



Seguidores

Total de visualizações

quinta-feira, 3 de junho de 2021

Revisando! Vírgula - Parte 5

 Olá, pessoal! Aqui estou eu, retornando com o Revisando! deste mês. E essa será a última postagem que vamos falar sobre vírgulas por enquanto (ou assim espero!).

Se quiser conferir a postagem anterior, clique aqui

Assim sendo, vamos ver hoje casos especiais do uso da vírgula que sempre causam confusão na gente. 

DÚVIDAS ESPECÍFICAS COM O USO DA VÍRGULA

1ª Quando se usa vírgula com "ou"?

Se você acompanha o quadro desde o começo até aqui, deve saber que "ou" é uma conjunção alternativa, que indica dois períodos que são opções, alternativas. Não se deve usar vírgula antes do "ou" caso ele esteja:

a) quando ele estiver ligando termos de uma mesma oração. Exemplos:

Posso escrever personagens novos, velhos, homens ou mulheres.

Vá no servidor e peça ajuda à Célia ou ao Felipinho.

b) quando a oração une períodos curtos ou que falem do mesmo sujeito. Exemplos:

Eles virão a pé ou pegarão ônibus?

As novels devem ser avaliadas, sejam boas ou sejam ruins.

Se deve usar a vírgula antes do "ou" caso ele venha após ou seja parte de uma oração intercalada. Se não souber o que é, recomendo que volte em nossa postagem anterior ou procure no google.

Você vai aceitar sua reprovação calmamente, perguntou o avaliador, ou vai querer discutir, mesmo sabendo que está errado? (exemplo com oração intercalada)

Todos revisaram, ou deveriam ter revisado, antes de enviar a light novel.

2ª Quando se usa vírgula com "enquanto"?

Essa é uma dúvida que surgiu em nosso servidor mais de uma vez, por isso estou acrescentando à postagem. Vou apenas dar um macete para qualquer autor que tenha tido o mesmo problema:

Não se deve utilizar vírgula antes de "enquanto" se ele tiver o mesmo sentido de "durante o tempo em que".

Exemplos:

Estava ansioso enquanto sua novel era avaliada.

Ela ouvia música enquanto lia.

3ª Quando se usa vírgula com "e"?

Opa, aqui vai uma grande pegadinha. Existem casos específicos para o uso da vírgula antes do e, vamos ver todos.

a) Quando os períodos da oração tiverem sujeitos diferentes.

Parece simples, não é mesmo? Mas essa é a maior pegadinha do uso dessa vírgula. Vamos ver um exemplo e explicar:

Ele foi ao cinema, e ela foi ao shopping.

O primeiro sujeito é "ele", o segundo é "ela". Como são pessoas diferentes, fazendo atos diferentes e a conjunção "e" foi usada, é necessário colocar a vírgula.

Vamos ver outro exemplo:

Meu coração batia acelerado, e minhas mãos tremiam.

Quem é o primeiro sujeito? "Meu coração", e o segundo? "Minhas mãos". Embora pertençam a uma mesma pessoa (eu), são sujeitos diferentes, atenção com isso!

b) Quando o "e" for repetido com sentido de dar ênfase.

Vou usar um exemplo direto para ajudar na explicação:

Ele ri, e chora, e esperneia, e treme, e por fim se encolhe.

É necessário a vírgula separando cada elemento, como uma enumeração, nesses casos.

c) Quando o "e" tiver sentido de "mas".

Ou qualquer outro adversativo. Parece confuso, mas usamos isso com mais frequência do que se imagina. Aqui vai um exemplo:

Ele se esforçou bastante, e ainda assim não foi aprovado.

Esse "e" pode ser substituído por um "mas" que o sentido da frase se manteria, por isso é adicionada a vírgula.

E essas foram as dúvidas principais! Se tiverem mais dúvidas específicas com o uso da vírgula, deixem nos comentários! Tentarei responder todas que puder e, se alguma for muito extensa, farei uma nova postagem desse quadro para explicar.

Não acabamos a postagem, no entanto! Agora que vimos os principais casos em que se usa a vírgula, vamos ver quando não devemos usar a vírgula!

CASOS EM QUE NÃO SE USA A VÍRGULA

Diferente do antecessor, só temos dois casos aqui. Porém, caso erre algum deles, suas chances de reprovação descem em 200%!

1º Caso: Não se usa a vírgula para separar sujeito do predicado.

Parece um tanto óbvio, mas muitos feronas erram isso. Primeiramente, muitas pessoas confundem o que é sujeito e predicado, portanto vou dar uma explicação rápida. Sujeito é quem faz a ação, se estiver em dúvida, procure o verbo na frase, quem tiver feito a ação descrita no verbo é o sujeito. O sujeito não precisa ser um ser vivo ou um humano, atentem-se a isso. O predicado é a ação praticada pelo sujeito e engloba tudo, desde o verbo até o complemento verbal.

Vamos ver com um exemplo:

Ele se ofereceu para ler a minha novel.

Quem é o sujeito aqui? "Ele", qual o predicado? "se ofereceu para ler a minha novel". Faça esse exercício um pouco. Pegue frases da sua novel, de novels que você gosta (especialmente as do MLN, porque nos asseguramos de evitar que esse erro passe 99% das vezes) e faça esse exercício, tente encontrar o sujeito e o predicado.

2º Caso: Não se usa a vírgula para separar o verbo do complemento

Mas o que raios, Tany?

Calma, calma. Se você acompanhou as postagens até aqui, deve saber do que estou falando. Mas vamos retomar, só por via das dúvidas.

Complemento é o que adiciona ao verbo. Vamos pegar o exemplo do caso anterior.

Ele se ofereceu para ler a minha novel.

O verbo é "oferecer", mas ele ofereceu o quê? Ele "se" ofereceu. Se ofereceu para o quê? "Ler a minha novel.

O complemento normalmente vai responder as perguntas mais simples. Se quiser fazer um exercício para aprender a separar sujeito, verbo e complemento. Comece a pegar frases e analise. Quem fez a ação? Será o sujeito. Qual a ação? Será o verbo. O que restar além deles será o complemento.

E acabamos por aqui! Novamente, se tiverem dúvidas com o uso da vírgula, sintam-se livres para comentar que iremos ajudar no possível.

E, se entender a vírgula parece complicado com tantas regras, se acalme. Tente procurar caso a caso na sua escrita e ver o que você pode melhorar, se for se policiando com o tempo, o uso da vírgula passará a ser mais natural. E não se esqueça que nossas postagens estão aqui para sanar suas dúvidas! Não tem problema voltar nelas caso se confunda com algo, é natural e perfeitamente aceitável.

O importante é sempre tentar melhorar como escritor e apresentar a melhor novel possível no formulário!

E com isso, vejo vocês no próximo Revisando! com, enfim, um novo tema!

6 comentários:

  1. O meu cérebro estourou! Eu me sinto até mais esperto. Obrigado pelas dicas, Tany.

    ResponderExcluir
  2. tem como reprovar por erros de virgulas?
    Ótimo post

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, tem como reprovar por erros de vírgula. Por isso recomendamos que leia todas as postagens sobre vírgulas.

      Excluir
  3. Mandei minha Light novel escrita no estilo narrativo onde uma terceira pessoa narra os acontecimentos.
    Agora que não recebi a resposta do revisores fiquei na dúvida, esse estilo de narração é o que chamam de "roteiro"? E se for agora que enviei, poderei mandar o livro novamente?
    A nível de curiosidade:
    Mandei meu livro no dia 20, se chama a ascensão do herói "honrado". Esperei até dia 30 e não tive resposta.
    Mandei de novo com alterações no dia 30. Agora estou esperando respostas. Caso não receba, o que devo fazer? esperar um mês para enviar a nova versão, mas dessa vez quem narra são os próprios personagem ou posso interpretar que minha história foi reprovada instantaneamente e manda-la novamente no dia 9?
    (Estou fazendo de tudo para conseguir meu espaço nesse blog)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Bruno.
      Pedimos que entre em contato conosco pelo facebook ou em nosso grupo do discord (preferimos essa última opção para respondê-lo melhor), pois, conferindo com nossa equipe avaliativa, sua novel já foi avaliada. Por isso, gostaríamos de compreender o problema e o que pode ter acontecido para você não receber a avaliação.

      Excluir

Nosso Facebook!

Postagens Populares