Tecnologia do Blogger.

Nosso Twitter!

Comentários Recentes

Parceiros



Seguidores

Total de visualizações

domingo, 13 de setembro de 2020

MLN Recomenda: Hollow Knight

 
   Lançado em 27 de Fevereiro de 2017, Hollow Knight logo se tornou um clássico contemporâneo. Produzido pelo amor e dedicação de uma pequena equipe independente de quatro pessoas (o Team Cherry + Christopher Larkin, responsável pela trilha sonora), Hollow Knight é uma experiência única que combina as inspirações de Metroid e Castlevania com uma ambientação de tirar o fôlego. No MLN Recomenda de hoje, vamos conversar um pouco sobre o Cavaleiro Oco e sua trupe de insetos.



A história e o mundo

Abaixo da pequena cidade de Dirthmouth, um reino adormecido esconde segredos envolvendo a luz e a escuridão. Muitas pessoas já se aventuraram por lá, seja procurando por riqueza, glória ou respostas. Algumas delas desafiarão você durante sua jornada. Outras, somente pedirão para que você as escute. Aqui, a história já foi contada, mas ainda não chegou ao seu capítulo final.

No corpo de um pequeno cavaleiro, o jogador até se confunde com o pequeno inseto. Os desafios, alguns mais e outros menos difíceis, exigem cada vez mais. É preciso pensar sobre cada chefe e seu estilo de movimentação, suas habilidades, suas fraquezas. Várias tentativas podem ser necessárias até que você entenda tudo isso, deixando o jogador mais vazio (assim como o personagem) e mais determinado.

Além disso, não há uma história pronta para ser degustada aqui. Tudo o que você pode saber virá do próprio mundo. Rochas com inscrições antigas. Insetos misteriosos escondidos nas profundezas do reino. Memórias, sonhos e pensamentos que podem ser acessados e compreendidos. Pessoas que já se foram, mas que ainda existem como verdadeiros fantasmas, assombrando a realidade das mais diversas maneiras. Sem saber de onde seu personagem veio, assim como o próprio cavaleiro, o jogador é convidado a investigar o Reino de Hallownest da maneira que quiser — tendo um mapa feito à mão como seu mais poderoso aliado.

E eu acho que esse é o maior atrativo de Hollow Knight para mim: o mundo está vivo. O mundo reage ao que você faz e você, é claro, reage ao mundo. Todo o reino de Hallownest tem uma história que se une, assim como o grande mapa que é construído por túneis, estações de trem e estradas inabitadas. Cada área conta uma história, te revelando de pouco em pouco o que aconteceu antes de você aparecer. Talvez nada faça muito sentido no começo, mas quando as peças se encaixam... Personagens que pareciam sem profundidade podem ganhar mais vida do que você imaginava.


Os personagens

    Quase todos os personagens de Hollow Knight têm histórias interessantes para te contar, se você tiver paciência de ouvir. Muitas delas só serão escutadas através dos sonhos, enquanto outras serão o foco de toda a trama. Outras servem de guia para o Cavaleiro Vazio, outras ainda somente existem para enriquecer ainda mais o mundo de Hallownest e revelar como o mundo se transformou tanto em pouco tempo: de um reino próspero à um mundo decadente.

    Apesar de o personagem principal ter seu passado descoberto conforme o desenrolar dos eventos acontece na exploração do mundo, ele não está sozinho nessa. Uma misteriosa guardiã constantemente entrará em seu caminho  com propósitos ainda não muito claros. Um curioso inseto mascarado, estranhamente gentil, te fará companhia aqui e ali. Uma pessoa sem nenhuma esperança no mundo terreno, mas cheio de sonhos, aparecerá para te atormentar. E o Rei Pálido e a Rainha Branca aparecerão para você, seja em cenários que parecem sonhos ou em localidades mais próximas de um pesadelo.



A jogabilidade

    Como já ficou claro, Hollow Knight não é dos jogos mais tranquilos. O ambiente te dá pistas muito claras de que o perigo está à espreita: e não é por menos, já que ele realmente está. Para avançar em Hollow Knight, muitas vezes você terá de parar, pensar e entender os padrões de ataque de um (ou mais) inimigos. Se você já está acostumado com jogos no estilo Dark Souls, Hollow não é tão diferente.

    O elemento de variedade em Hollow Knight acontece pelo uso de Focos: amuletos que você compra/coleta durante o jogo e te concedem novas habilidades. Um te mostra sua posição no mapa, outro te faz atacar mais rápido, outro aumenta a distância de seu ataque, outro te faz consumir menos ALMA (uma espécie de Mana) para usar suas habilidades. Há uma variedade enorme deles. Vai do jogador utilizar aqueles que mais se adequam ao seu estilo de jogo.

    Os chefes escalam de dificuldade e se tornam cada vez mais desafiadores, convidando o jogador a descobrir novas maneiras de usar seus Focos e suas habilidades para criar novas estratégias. Mais do que entender o padrão de ataque e saber o timing correto de cada habilidade, Hollow Knight exige que você se adapte a cada ambiente, a cada mudança, a cada novo encontro com o mesmo desafio (que, acredite em mim, não será o mesmo).

    Os botões de movimentação, ataque, dash e skills precisam que você seja ágil. A combinação de Focos, que você seja criativo. E o mundo, clama para que você não desista tão fácil se quiser trazer escuridão para um mundo tomado pela luz  ou seria o contrário?



Hollow Knight está disponível para PC (Steam, Gog.com, Humble Store), PS4, XBOX e Nintendo Switch. O jogo atualmente conta com 4 expansões gigantes e totalmente grátis - Hidden Dreams, Grimm Troupe, Lifeblood e Godmaster. Saiba mais no site oficial: https://www.hollowknight.com/.

    



0 comentários:

Postar um comentário

Nosso Facebook!

Postagens Populares

Receba nossas novels por e-mail!