Tecnologia do Blogger.

Nosso Twitter!

Comentários Recentes

Parceiros



Seguidores

Total de visualizações

domingo, 10 de março de 2019

Caçadores de Reprovações #6: Sinopses pra dar e vender

Em nosso último 5 Perguntas, tiramos cinco dúvidas principais sobre o que fazer (e o que não fazer) quando estiver construindo a sinopse do seu texto. Se ainda não conferiu o #5P do mês passado, clique aqui para ser redirecionado! 

Em posse de todos os seus conhecimentos, agora está na hora de enxergar na prática como não fazer uma sinopse. Aliás, aproveite e já pegue a sua própria história: quem sabe você também não é um dos nossos alvos nesse Caçadores de Reprovações?

O nome do autor e o nome da obra foram preservados.



QUANDO TUDO IMPORTA, NADA IMPORTA





Epa, epa, epa! Mas isso é um parágrafo da história ou uma sinopse dela? Primeiro, a primeira regra de uma boa sinopse: quanto menor, melhor. Porém, isso não significa que a sinopse deva ser, obrigatoriamente, curta. Vejamos os motivos.

Quando dizemos "quanto menor, melhor", estamos dizendo "quanto mais informação relevante você conseguir colocar em um curto espaço, melhor será para o leitor entender rápido e se interessar rápido pelo que você tem a dizer". Ou seja, não é sobre a sinopse ser curta, mas sobre a sua linha de pensamento ser direta e objetiva. Falando em linha de pensamento, vamos dar uma desemembrada nessa sinopse para termos uma noção melhor do que está sendo dito aqui.

É sobre um jovem garoto chamado Hiroshi Tatsuo que, após perder os seus pais em um acidente de avião, começa a morar na casa de sua tia Carol, até que certo dia, ao sair de casa para a escola acaba sendo salvo, por um fenômeno estranho, de ser atropelado por um carro. 

Não comece sua sinopse como se estivesse contando sua história para alguém. Sua história pode até "ser sobre um jovem garoto", mas você não está falando com um amigo seu. A principal missão de uma sinopse é atrair público e, visto que você não conhece quem vai ler o que você escreveu, não tem sentido começá-la como se estivesse no meio de um diálogo. Então, retiramos o "É sobre". E vamos combinar que todos os garotos são jovens, então deixemos só garoto para ficar menos redundante.

Agora, avançando um pouco mais. A próxima informação, depois do nome do protagonista (faz sentido pensar que ele é o protagonista porque o nome dele veio primeiro), é o fato de que ele perdeu os pais em um acidente de avião. E aqui entra a segunda regra de uma boa sinopse: diga somente aquilo que tem relação imediata com o conflito e com as motivações do seu personagem. A menos que o passado do seu personagem tenha relação direta com esses assuntos, esqueça que ele existe por agora. O que importa pra gente é o conflito que dá início à história. E qual é o nosso conflito?

Se você leu a sinopse inteira, percebeu que nosso garoto vai para uma escola de magia a fim de aprender mais sobre seus poderes e sobre seu pai que, agora sabemos, é o Deus do Tempo. Pense um pouco: ele ter perdido os pais faz com que, obrigatoriamente, ele vá para uma escola de magia? Não, ele poderia simplesmente ter ido parar lá porque comera uma coisa que não caíra bem e o banheiro mais próximo era por aquelas bandas. Vê? O passado do personagem é importante pra trama, mas não está diretamente relacionado com o conflito (muito menos o nome da tia dele). Então, o que poderia estar relacionado?

Isso: ele ter sido atropelado por um carro está diretamente relacionado com o conflito. Afinal, ao ser atropelado, ele desperta seus poderes mágicos. Opa, então isso é importante! Sem poderes mágicos, ele não poderia entrar em uma escola de magia, o que sabemos que vai acontecer. Beleza, então temos algo importante: o acidente de carro. Precisa mesmo dizer que é por causa de um fenômeno estranho? Se pararmos pra pensar, pode ter alguma necessidade. Porém, o importante é que ele sofreu um acidente de carro e ponto final. Mas podemos dar essa colher de chá para o autor, dizendo que isso aconteceu "misteriosamente".

Vamos ver como a nossa sinopse está ficando? Lembrando que só mudamos alguns trechos de lugar e removemos outros, adicionando o "misteriosamente" para omitir o trecho desnecessário e acertando o tempo verbal.

Enquanto ia para a escola, um garoto chamado Hiroshi Tatsuo acaba sendo misteriosamente atropelado por um carro. 

Olha só, está bem objetiva e chamando a atenção. Vamos ver o próximo trecho!

Momentos depois deste incidente, Tatsuo sente algumas mudanças em seu estado físico e mental e percebe que tem poderes mágicos de gelo, a partir deste momento sua vida começa a virar de cabeça para baixo quando conhece "a orgulhosa e temperamental" Akemi Yumi, uma linda garota de cabelos prateados que tem poderes mágicos de Água, que invade sua casa com o objetivo de leva-lo até seu pai, Cronos "o Deus do tempo", mas para isso explica que seus poderes foram passados de geração em geração através de seu pai, "o usuário dos 5 selos abissais". 

Uau, muita informação apareceu agora. Vamos passar nosso filtro: importância com o conflito. O personagem percebe mudanças em seu estado físico e mental e percebe que ganhou poderes de gelo. Isso é importante para quem vai entrar em um escola de magia? Aparentemente, sim. Contudo, o trecho não para por aí. 

A seguir, temos a apresentação de uma "orgulhosa e temperamental" garota. Vamos pensar juntos mais uma vez. O que é mais legal: imaginar uma garota qualquer que, durante a leitura, se revela orgulhosa e temperamental; ou já saber que ela tem essa personalidade e somente vê-la como mais um dos personagens? Não sei você, mas a primeira hipótese me agrada mais. Assim, vamos tirar duas descrições agora: a descrição sobre a personalidade e sobre a aparência física da Akemi Yumi. Importa saber a cor dos cabelos para o conflito? Não, não importa. Então, riscamos isso também.

Mas a Akemi tem poderes de água e, mais importante do que isso, ela invade a casa do protagonista para levá-lo até uma entidade especial da história. Opa, temos mais informação relacionada com o conflito: se Akemi não tivesse ido atrás do garoto-jovem-garoto, muito provavelmente ele teria entrado para os X-MEN e não para a escola de magia. 

Por fim, temos as informações sobre o pai do protagonista-jovem-protagonista e uma explicação sobre os poderes do personagem. Os poderes serem passados de geração em geração tem relação com ele entrar para escola de magia? Ter tem, mas aqui entramos novamente na questão: não é muito melhor o leitor saber disso quando ler a história? Essa informação sair daqui não compromete em nada o entendimento geral e, além disso, ainda pode fazer o leitor ficar surpreso ao ler essa informação dentro da narrativa.

Enquanto ia para a escola, um garoto chamado Hiroshi Tatsuo acaba sendo misteriosamente atropelado por um carro. Momentos depois desse incidente, Tatsuo sente algumas mudanças em seu estado físico e mental, descobrindo possuir poderes mágicos de gelo. A partir de então, sua vida vira de cabeça para baixo ao conhecer Akemi Yumi, uma garota que invadiu sua casa com o objetivo de levá-lo até seu pai: Cronos, o Deus do Tempo.

É, está ficando consideravelmente melhor. Vamos ver o próximo trecho; ainda não descobrimos a motivação do protagonista!

Afim de descobrir a origem de seus poderes e sobre o passado de sua família decide seguir essa garota à uma escola de magia chamada "Light of Black" ( do inglês - luz do preto ) onde encontra o Vice-Diretor Walter Green Would e a Diretora Alice Foster W., que no passado conheceram o seu pai, após isso, Tatsuo percebe que para descobrir mais sobre a origem de seus poderes e o passado de seu pai ele terá que se matricular na escola de magia.

As informações desse trecho parecem estar relacionadas com o conflito principal: a busca pelo pai e a entrada na escola de magia. Mas será mesmo? Será que o nome dos diretores é necessário? Será que dizer que os diretores conheciam o pai é realmente legal nessa altura do campeonato? E, mais importante ainda, qual é o conflito? O personagem quer a) descobrir a origem dos poderes, b) descobrir sobre o passado da sua família, c) descobrir o passado do seu pai? Ao que parece, a motivação é descobrir a verdade sobre a família, mas conhecer melhor seu pai e seus poderes é consequência. Por isso, vamos entender que, já matriculado, ele fará essas coisas (por isso essa informação vai pro fim).

Vamos pensar que descobrir sobre o passado da família já engloba tanto os poderes (que sabemos ser passado de geração em geração, mas retiramos por ser uma explicação desnecessária agora) e o passado do pai. Para não deixar esse tanto de informação junta no começo e no fim do parágrafo, vamos reduzir a motivação ao começo do parágrafo. E, sejamos francos, sem essa nota de tradução também. Quarta regra: não desconstrua seu texto!

Enquanto ia para a escola, um garoto chamado Hiroshi Tatsuo acaba sendo misteriosamente atropelado por um carro. Momentos depois desse incidente, Tatsuo sente algumas mudanças em seu estado físico e mental, descobrindo possuir poderes mágicos de gelo. A partir de então, sua vida vira de cabeça para baixo ao conhecer Akemi Yumi, uma garota que invade sua casa com o objetivo de levá-lo até seu pai: Cronos, o Deus do Tempo. A fim de conhecer mais sobre o passado de sua família, Tatsuo decide seguir essa garota à escola de magia chamada "Light of Black", onde descobrirá mais sobre seus poderes e chegará à verdade sobre seus pais.
Agora, vamos fazer uma pequena checklist para ver se a sinopse está cobrindo os quesitos essenciais. A sinopse está mostrando:

  • A origem do conflito? Sim, falamos sobre o acidente de carro.
  • A motivação do personagem? Sim, ele quer saber mais sobre a família.
  • Como o persongem lida com o conflito? Sim, ele aceita o desafio e se matricula na escola.
  • A resolução do conflito? Sim, ele descobrirá mais sobre seus poderes e sobre o passado dos seus pais.
  • Como o personagem muda durante a resolução do conflito? Mais ou menos, não temos material o suficiente para saber sobre as mudanças dele. É papel do autor colocar essa informação, ressaltando características do personagem antes e depois de resolver seu conflito.

NOTA PARA A SINOPSE ORIGINAL
1/5

NOTA PARA A NOVA SINOPSE
4/5


0 comentários:

Postar um comentário

Nosso Facebook!

Postagens Populares

Receba nossas novels por e-mail!