Tecnologia do Blogger.

Receba nossas novels por e-mail!

Nosso Twitter!

Comentários Recentes

Parceiros



Seguidores

Total de visualizações

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Dicas Rápidas da Tany #4

O título ficou um pouco pequeno dessa vez, mas quem ousaria estragar uma Emilia-tan tão bonitinha?

Boa noite, senhoras e senhores, ferinhas e feronas!

Hoje volto com o quadro favorito de alguém, eu espero que alguém acesse esse blog só pra ler essas Dicas Rápidas, se você faz isso, deixe um comentário para a Tany responder com todo amorzinho que só ela é capaz.

O Dicas Rápidas deste mês será mais curto que o normal, mas não temam! Estou preparando postagens gigantescas, assim como os próximos capítulos para vossas alegrias!

O tema desse mês são erros mais bobos do que os anteriores. Coisas bem simples, mas que fazem o revisor puxar os cabelos de desgosto.

Então pode preparar suas anotações, abrir o word e procurar por cada uma das palavras desta postagem!

Por mais que eu queira encher sua tela de gifs e imagens fofinhas da waifu da temporada, Emilia-tan, (se você não concorda, então desista de viver), só vou tratar de um assunto este mês.


Exatamente! Palavras e expressões fáceis de confundir. Você pode pensar que estou sem ideias para continuar esse quadro e por isso inventei esse tema nos quarenta e cinco segundo tempo, mas você está certíssimo enganado, caro leitor!

Pode parecer algo idiota, mas eu queria ganhar um real pra cada trás e traz trocados que já encontrei. Conseguiria comprar alguns x-bacons tamanho grande, com batata e refri inclusos.

Vamos começar!

Más, mais e mas: é, parece piada, mas atire a primeira pedra quem nunca escreveu um desses no lugar do outro sem querer. Repita com a Tia Tany: Más é um adjetivo, mais é um advérbio e mas é um adversativo. Veja os exemplos para entender os diferentes usos:
A Tany sempre faz revisões muito más.
Adicione um pouco de sal a mais.
Queria enviar a novel, mas precisava revisar antes.

Porém e porem: um acento faz toda a diferença! O que é porem? É o verbo pôr (sabe, aquele de colocar) conjugado na terceira pessoa do plural do infinitivo pessoal. Já porém é um adversativo, que nem o mas. Seguem os exemplos:
Entendera que a postagem sairia anteontem, porém acabara atrasando.
A administração mandou porem os pingos nos is.
Dica rapidíssima: Prefira sempre utilizar "colocarem" em uma narração (a menos que seja em primeira pessoa e seu narrador for alguém bem informal), em vez de "porem".

Trás e traz: o som engana, bastante até, esse é mais um dos casos. Trás significa o contrário de frente. Já traz é o verbo trazer conjugado na terceira pessoa do singular do presente do indicativo ou na segunda pessoa do singular do imperativo. Exemplos:
Os livros ficaram no banco de trás do carro.
Traz o livro de matemática!

Agente e a gente: aquele erro clássico de "agente se importa", pesquise no google e divirta-se. Agente vem de agente secreto. A gente, por outro lado, é uma forma mais informal de dizer "nós". Exemplinhos:
O Agente X era um especialista em missões furtivas.
A gente gostaria de ler mais novels de determinado gênero.

Embaixo e em baixo: um espaço pode mudar todo um sentido da frase, sabia? Embaixo junto é um advérbio que indica algo que não está em cima, mas pelo contrário. Em baixo, separado, por sua vez, é usado quando baixo tiver sentido de adjetivo oposto a "em cima". Confiram os usos nos exemplos:
O gato estava embaixo da mesa o tempo todo.
O ânimo dela está lá em baixo hoje.

Às vezes e as vezes: novamente, um acento faz toda a diferença. Às vezes é um advérbio de tempo. As vezes é para indicar "algumas vezes" ou "vezes específicas", veja melhor nos exemplos:
Às vezes, você me dá nos nervos.
Lembro de todas as vezes em que você já me deu nos nervos.

Afim e a fim de: são duas expressões parecidíssimas, não é mesmo? Afim, junto, é um adjetivo que indica semelhante, parecido, afinidade. A fim de é uma locução que significa para, com intuito de, finalidade. Os exemplos vão ajudar:
Temos interesses afins.
A reunião foi feita a fim de resolvermos os problemas da empresa.
Dica rapidíssima: Usar "Estar a fim de" é extremamente informal, e deve ser evitado nas narrativas que busquem a formalidade.

Mal e mau: um clássico! Quem nunca trocou um desses dois? Vamos lá, mau é o contrário de bom e mal é o contrário de bem. É bem simples, mas fácil de confundir. Exemplos, porque sim:
Você acordou muito mal-humorada.
Ele está de muito mau humor.
Viram como dá para usar tanto mal e mau com o mesmo sentido? Prestem atenção nisso!

Cumprimento e comprimento: uma única letrinha que mal faz diferença sonora praticamente. Mas veja bem, cumprimento vem de cumprimentar, e comprimento é de medida. Escreva dez vezes agora, ok, não precisa... pensando bem, alguns de vocês precisam mesmo. Os exemplos devem ilustrar melhor:
Um cumprimento brasileiro é beijar os outros na bochecha.
A rua tem um comprimento de duzentos metros.

Nada a ver e nada haver: primeiro, não existe nada haver! A expressão correta é nada a ver, e significa "sem relação". Aproveitando, quando for usar a expressão "a meu ver", que indica opinião, o certo é usar a e não a preposição ao! Exemplo:
O que ela disse não tem nada a ver com o que eu penso!

Quanto e quando: são funções totalmente diferentes. Quando indica data. Quanto quantidade. Repita comigo: quando indica data, quanto indica quantidade. Nem vou passar exemplos, se você confunde eles e não é erro de digitação, se mate e tente prestar atenção nas aulas de português na próxima vida.

E foi tudo por hoje! Nos vemos na próxima postagem, seja de lançamento ou alguma matéria para escritores!

Se tiverem qualquer regra gramatical, ou um tema que desejem que nós abordemos nos quadros e colunas aqui do blog, deixem um comentário!

Para compensar a falta de imagens da Emilia-tan, aqui vai o sorriso que mereceu ser protegido

7 comentários:

  1. Ola Tany , gosto muito do teus trabalhos e sempre as leio, obrigado por pensar em nos e porfavor continue postantando as dicas rapidas. (descupa pela falta de acentuasao e outros erros.)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Dicas Rápidas não vai terminar tão cedo (diferente da minha criatividade).
      Ainda há muitos erros para puxar as orelhas de certos autores por aí~

      Excluir
  2. Ás dicas rápidas são ótimas! Obrigado.
    Queria pedir um post sobre crase r-r

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Farei uma postagem apenas sobre crase em breve, não se preocupe~

      Excluir
  3. Descobri o MLN ontem, já li todas as suas postagens e gostos muito da equipe toda

    ResponderExcluir

Nosso Facebook!

Postagens Populares